Acusados de matar e enterrar Amanda Albach vão a juri popular em Imbituba | TN Sul

0

O trio acusado de matar e enterrar na praia o corpo de Amanda Albach, de 21 anos, no verão de 2021, vão a juri popular as 9h desta quarta-feira, 16, em Imbituba. Os criminosos seguem presos preventivamente.

Relembre o caso

Amanda Albach foi morta em 15 de novembro de 2021, deixando uma criança de 2 anos. O corpo da vítima foi encontrado quase um mês depois, enterrada na praia de Itapirubá Norte, em Imbituba, após a prisão de um dos suspeitos na cidade de Canoas, próximo a Porto Alegre. 

Um dos criminosos revelou o local onde Amanda estava enterrada. Foto: Divulgação/ PCSC

Amanda era natural do Paraná e veio para Imbituba com um casal para passar o feriado da Proclamação da República. Ela estava acompanhado de um casal amigo e junto de um outro rapaz, que foram vistos juntos em um beach club de Jurerê, em Florianópolis, dias antes de sua morte.

O MPSC informou que eles foram para Laguna, cidade vizinha a Imbituba, onde os suspeitos moravam. No dia seguinte, eles mantiveram Amanda em cárcere privado por pelo menos oito horas, no dia 15 de novembro.

Amanda enviou uma mensagem de áudio para um de seus familiares, na noite do dia 15 de novembro, informando do seu retorno, dizendo que iria pegar um carro de aplicativo e voltar para o Paraná no dia seguinte. Ela foi morta logo depois de enviar a mensagem.

Segundo informações, a vítima cavou sua própria cova com uma pá e foi morta com dois tiros.

Source link

Leave A Reply

Your email address will not be published.