Atleta de jiu-jitsu do programa +Esporte +Futuro é destaque em Criciúma | TN Sul

0

Um grande talento de jiu-jitsu da Fundação Municipal de Esportes (FME) de Criciúma. Miguel Donini Kelemann, de 13 anos, tem se tornado destaque na modalidade. Somente em 2023, o atleta subiu ao pódio mais de 10 vezes, lutando em competições nacionais e internacionais. O atleta se dedica diariamente nos treinamentos e, toda quarta-feira, participa do programa social da FME, o +Esporte +Futuro. 

“Eu pratico jiu-jitsu desde os 7 anos de idade, através do incentivo do meu pai, que é faixa marrom e treina comigo. Além do jiu-jitsu, já pratiquei muay-thai, capoeira, judô e taekwondo. Sempre que eu entro no tatame, penso em dar o meu melhor para impressionar as pessoas. Daqui alguns anos, me enxergo nos Estados Unidos, disputando o Mundial. Minhas maiores inspirações são os atletas Fabrício Andrey, Micael Galvão e o criciumense Henrique Ceconi”, contou Miguel.

Na Federação Brasileira de Jiu-jitsu Competitiva (CBJJC), Miguel foi campeão mundial em uma competição realizada neste ano, em Joinville. Além deste campeonato, o atleta medalhou, somente neste ano, na 4ª Etapa da Copa Amesc, em Santa Rosa do Sul, garantindo a medalha de ouro. Miguel também ficou em 1º lugar na categoria Absoluto da Copa Pódio, em Vacaria (RS), e faturou o troféu de campeão do Campeonato Gramado Challenger. O atleta também foi vice-campeão da AJP Tour Betim International Jiu-jitsu Championship, no Paraná, e 3º colocado no Internacional Kids, no Rio de Janeiro.

“Para nós, é motivo de orgulho ver um atleta com pouca idade conquistando grandes campeonatos. Ele serve de inspiração aos colegas da modalidade e, também, das demais, pois sabemos da dedicação nos treinamentos e na luta por conquistar o pódio em todos os eventos que participa. Desejamos uma trajetória linda a ele no esporte”, incentivou o presidente da FME de Criciúma, Martinho Mrotskoski Neto.

Incentivo da família

O pai de Miguel, Alex Sander Fredes Kelemann, é o grande incentivador do atleta. Juntos, eles fazem cheirinhos para carro, pipoca gourmet e amassam latinha para vender e angariar recursos para que Miguel possa participar das competições.

“Como pai, tenho orgulho imenso quando vejo meu filho em um campeonato. Além de um ótimo atleta, ele se dedica diariamente nos estudos, pois a educação e o esporte precisam caminhar juntos. Ele respeita todos dentro da sala de aula e nas lutas também. Ele sempre foi muito empenhado, focado e serve de inspiração para outros atletas, além de já ter sido convidado para abrir alguns campeonatos”, mencionou o pai, agradecendo, também, o apoio que a FME presta ao atleta.

Programa +Esporte +Futuro

O programa social +Esporte +Futuro oferece aulas gratuitas de jiu-jitsu. As aulas acontecem nas segundas-feiras e quartas-feiras, das 9h às 11h, no Ginásio Municipal Irmão Walmir Antônio Orsi, em duas turmas: uma para crianças de 7 a 15 anos, e outra para pessoas com idade acima de 16 anos. 

“Atletas como o Miguel nos motivam a manter o projeto e fortalecer cada vez mais o esporte que vem crescendo na cidade e na região carbonífera. O atleta é referência na categoria para as crianças que participam do programa. É uma modalidade que vem crescendo, também, dentro do projeto, e que futuramente teremos frutos”, ressaltou o coordenador social da FME de Criciúma, Junior Rampinelli.

Interessados em participar das aulas devem entrar em contato, via WhatsApp, pelo telefone (48) 3431-0019.

Source link

Leave A Reply

Your email address will not be published.