Divisão de proteção animal indicia homem acusado de zoofilia | TN Sul

0

A Polícia Civil de Santa Catarina, por meio da Divisão de Proteção Animal da Grande Florianópolis, concluiu investigação de crime de zoofilia, uma das modalidades de maus-tratos a animais, ocorrido no bairro Agronômica, na Capital.

Após ser flagrado, em mais de uma oportunidade, pelo neto e por uma enteada, cometendo atos sexuais com a cachorra da família, o investigado foi interpelado pela esposa, que não aceitou esse comportamento e registrou ocorrência policial.

O homem, que já possuía histórico de violência doméstica, saiu de casa. Em interrogatório, confessou a prática delitiva, alegando ter problemas com uso abusivo de álcool.

A delegada Mardjoli Valcareggi, titular da Divisão de Proteção Animal da Grande Florianópolis, ressalta que o caso em tela denota um comportamento típico de agressão a grupos vulneráveis, como explica a chamada “Teoria do Link”, segundo a qual há relação entre agressão contra os animais e uma evolução da violência para os seres humanos. “Mais uma razão para continuarmos exigindo respeito aos nossos animais”, concluiu a delegada Mardjoli.

Source link

Leave A Reply

Your email address will not be published.