Empresa é multada após deixar delegacias de SC sem corretivo líquido | TN Sul

0

Uma empresa de Itapoá, no Norte do Estado, deixou delegacias da Polícia Civil de Santa Catarina sem corretivos líquidos por 20 dias. No último dia 3, a corporação penalizou por atraso a distribuidora contratada para entregar os 1,2 “branquinhos” previstos. A multa foi de R$ 90.

Conforme a Polícia Civil, o contrato assinado em 15 de agosto estabeleceu a entrega até dia 25 daquele mês. Quatro dias após a data prevista, a Gelic (Gerência de Licitações e Contratos), responsável pelas compras da corporação, questionou a ausência das remessas.

“Primeiramente pedimos desculpas pelo ocorrido, estamos em produção de kits escolares que acabou (sic) demandando os funcionários responsáveis pela expedição. Mas, já está separado o empenho e será enviado amanhã por transportadora)”, respondeu a empresa na época.

Conforme a Polícia Civil, os corretivos líquidos somente foram entregues no dia 14 de setembro ao almoxarifado da corporação, instalado em São José, na Grande Florianópolis. 

Casa de idoso é “endereço” de empresa que atrasou entrega às delegacias

A corporação encarregou um agente da corporação para entregar a decisão administrativa que estabelecia a penalidade após a decisão ser publicada no DOE (Diário Oficial do Estado) no último dia 3.

O servidor registrou que, ao chegar na suposta sede em Itapoá que fora informada pela empresa, se deparou com uma casa onde morava um idoso.”[O homem] informou que já chegaram boletos em nome desta empresa na residência, mas eles foram descartados”, anotou o agente.

*Via ND+

Source link

Leave A Reply

Your email address will not be published.