Mães protestam em busca de respostas por mortes de bebês | TN Sul

0

As mães de bebês atendidos pelo Hospital Materno Infantil Santa Catarina estiveram em uma manifestação na manhã desta quinta-feira, dia 5, em frente à unidade hospitalar. A mobilização que contou com a participação do Conselho Municipal de Saúde de Criciúma, e a Ong de Mulheres Negras (Munmvi), busca respostas sobre a morte de crianças e outras que teriam ficado com sequelas.

O protesto foi marcado pela comoção dos familiares que seguravam cartazes de revolta ao tratamento prestado pelo hospital. Uma reunião deve ser marcada para debater sobre o caso, juntamente com a Câmara de Vereadores. Uma nova manifestação está sendo discutida. Segundo Jéssica Bruna, mãe de um menino de um ano e um mês, desde a demora dos procedimentos e tomadas de decisões erradas, o quadro do seu filho agravou.

“A piora do meu filho aconteceu aqui dentro do hospital, eu cheguei a implorar por um tratamento melhor, mas sempre era falado que deveríamos esperar. A situação foi ficando cada vez mais grave, até que chegou a um estágio que não havia mais como recuperar” lamenta Jéssica.

O Hospital Materno Infantil Santa Catarina se manifestou em forma de nota. Confira:

Informamos que no dia 2 de outubro foi realizada uma reunião que contou com a participação do Conselho Municipal de Saúde de Criciúma, mães de pacientes e o Instituto.

No entanto, como já informado anteriormente, os casos levados a conhecimento já foram analisados tecnicamente, sendo que maiores informações não podem ser fornecidas, tendo em vista o sigilo dos dados.

*Matéria em atualização

Source link

Leave A Reply

Your email address will not be published.