Mulher de Lázaro diz que policiais a torturaram por localização do marido “C0rta o pescoço”

Mulher de Lázaro diz que policiais a torturaram por localização do marido “C0rta o pescoço”

A esposa do serial killer mais procurado do momento, sair de uma entrevista ao “Domingo espetacular”, e contou detalhes de tudo que está passando devido ao sumiço do marido.

Nesse sentido, a mulher de Lázaro Barbosa confessou que foi torturado pela polícia, devido aos mesmos acreditarem que ela saiba onde o marido está escondido. Ainda assim revelou que policiais civis falaram que ela era cúmplice e por esse motivo tinha que morrer.

“O policial deu três, quatro tapas no meu rosto. Ele quebrou o rodo da minha tia e ia me bater com o cabo. Eu pensei comigo: Senhor, eu não acho justo eu apanhar com esse cabo de vassoura. O Senhor sabe que eu não sei onde ele está.” confidenciou a Roberto Cabrini

Mulher de Lázaro diz que policiais a torturaram por localização do marido “C0rta o pescoço”

Além disso, contou que um policial ameaçou queria afogar ela caso ela não dissesse onde o marido está escondido. Em seguida, a mulher acrescentou que os policiais não podem bater na população dessa forma, levando em consideração que isto é abuso.

Fora as ameaças das autoridades, a população também acredita que algo tem que ser feito com a esposa de Lázaro para que o mesmo se entregue

“Hoje mesmo uma mulher me falou para eu não ficar andando na rua, porque tem muita gente comentando: por que não mata a mulher dele? Corta o pescoço dela para ver se atinge ele, se ele se entrega”

Por fim, a equipe do domingo espetacular procurou a secretaria de segurança do estado do goiáis para averiguar sobre as ameaças sofridas pela mulher. Então, o órgão respondeu que a polícia age conforme o protocolo e que irão averiguar a veracidade das denúncias

LEIA MAIS NOTICIAS EM:

Bolsonaro se pronuncia sobre o serial killer do DF e manda recado AVASSALADOR; Assista o vídeo

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *