Santa Catarina já registra morte e feridos em decorrência pelas chuvas | TN Sul

0

As chuvas intensas que atingem Santa Catarina desde o início da semana já causaram uma morte, ao menos dois feridos e deixaram um rastro de estragos em 60 municípios em todo o estado. Até a manhã desta sexta-feira (6), pelo menos 17 cidades haviam decretado situação de emergência. Com a previsão de mais chuvas, a Prefeitura de Blumenau suspendeu por quatro dias a Oktoberfest, uma das festas mais tradicionais do país.

Conforme a Defesa Civil, as chuvas continuam até domingo (8) e podem registrar acumulados de até 200 milímetros em cidades do litoral sul, da região serrana e do oeste catarinense. Os órgãos de defesa passaram a operar em código laranja, o segundo nível mais alto, devido às condições meteorológicas. Em 46 cidades, entre elas Balneário Camboriú, Itapema e Curitibanos, as aulas foram suspensas.

Até a manhã desta sexta, a Defesa Civil contabilizava 1.100 pessoas afetadas, desalojadas e desabrigadas. Ao menos 13 cidades estão com abrigos para alojar famílias flageladas. Só no município de Rio do Sul, oito abrigos já acolheram 166 pessoas. Outras 250 estão desabrigadas em São Bento do Sul. Segundo as autoridades, os números estão em constante atualização, devido a novos alagamentos.

Ao menos dez rodovias tinham trechos interditados por causa de alagamentos, erosões e quedas de barreira. O prefeito de Blumenau, Mário Hildebrandt (Podemos), decidiu suspender a Oktoberfest a partir desta sexta por conta do nível alto do rio Itajaí, que oferece risco de alagar a Vila Germânica, palco do evento. Os dias serão compensados no fim da festa, que será estendida até o próximo dia 29.

Um óbito foi registrado no município de Rio do Oeste. Ao tentar atravessar a correnteza em uma arrozeira de bicicleta, um homem foi arrastado para uma vala. Em Timbó, uma criança ficou ferida depois que sua residência foi atingida por um deslizamento. Em Chapecó, uma motociclista se feriu ao ser atingida por uma árvore que caiu durante a chuva.

Os municípios que já emitiram decretos de emergência são: Papanduva, Curitibanos, Canoinhas, Brunópolis, Laurentino, Campo Alegre, São Bento do Sul, Ibiam, Jaborá, Corupá, Presidente Getúlio, Frei Rogério, Itaiópolis, Monte Carlo, Erval Velho, Aurora e Mafra.

Conforme a Casan (Companhia Catarinense de Águas e Saneamento), as cidades de Concórdia, Descanso, Belmonte, Água Doce, Ibiama, Erval Velho, Ipirá, Armazém, Apiúna, Dona Emma e Imbuia tiveram o sistema de abastecimento afetado e estão total ou parcialmente sem água. Equipes atuam para restabelecer os sistemas.

*Via Portal R7

Source link

Leave A Reply

Your email address will not be published.