Tigre visita o Atlético-GO em busca de pontos | TN Sul

0

Tiago Monte

Goiânia/GO

O Tricolor Carvoeiro busca o final do jejum de seis jogos sem vencer, longe de casa, nesta sexta-feira, a partir das 21h30, diante do Atlético-GO. A partida acontecerá no estádio Antônio Accioly, na capital goiana. Será um confronto direto na luta por uma vaga no G-4 da Série B: o Tigre tem 48 pontos, enquanto o Dragão tem 44. Assim, é importante que o Criciúma não perca para os goianos. Obviamente que o ideal é vencer, mas, caso não consiga, o empate não é visto com maus olhos pela comissão técnica e atletas. “É trabalhar e manter os ‘pezinhos’ no chão. Sei que o Tencati já está montando um plano para isso. É chegar lá e fazer o trabalho que a gente tem feito. Sabemos que precisamos ganhar uma fora, mas é com trabalho, paciência e tranquilidade que essa vitória vai sair”, destaca o volante Arilson.

O Atlético é uma das melhores equipes do returno na Série B com 17 pontos conquistados em 27 disputados. A derrota para o Botafogo-SP, na rodada passada, freou a recuperação dos goianos. Porém, Arilson sabe a dificuldade que está esperando o Criciúma na partida desta sexta. “A gente sabe da dificuldade que está sendo o campeonato, mas a nossa equipe está preparada para isso. Sabemos da dificuldade que vai ter, mas é normal da competição. Agora é pensar no Atlético Goianiense, que vai ser um jogo importante para a gente”, comenta.

A característica de jogo do Atlético-GO se assemelha muito à do Mirassol, que impôs dificuldade ao Criciúma, no final de semana passado. Porém, Arilson garante que os trabalhos da semana foram positivos e ajudaram a montar uma estratégia efetiva para a partida. “A gente já sabia que o Mirassol jogava assim. Não é a toa que é a equipe que mais tem posse de bola na competição. Tenho certeza que o Atlético Goianiense também vai ser assim, a gente trabalhou essa semana e sabemos o que temos que fazer: ficar mais compactado para chegarmos lá e fazermos uma grande partida”, pontua.

Hygor deve ser titular. Time pode ter três volantes

Sem Fabinho, suspenso pelo terceiro cartão amarelo levado diante do Mirassol, Hygor deve aparecer entre os titulares. O “talismã carvoeiro” marcou gols nas últimas duas partidas e garantiu o empate diante do Sport e a vitória contra o Mirassol. Assim, ele deve ser confirmado entre os 11 jogadores que começam a partida.

A maior dúvida do técnico Cláudio Tencati está no meio-campo. Em má fase, Marquinhos Gabriel deve deixar o time. Caso haja a mudança, a marcação deve ser reforçada e aí cresce o nome de Barreto. O volante tem ganhado ritmo de jogo e se credencia para ser titular. “É o meu objetivo: vim para cá para jogar e disputar o meu espaço. Vim ganhando minutagem, nos últimos dois jogos, aumentando o tempo em campo e a minha expectativa é de ser titular, o quanto antes, sempre respeitando os companheiros, mas tendo essa disputa interna que é importante”, comenta Barreto.

Léo Costa é outro nome que agrada a Tencati, mas Barreto, pela experiência e versatilidade, pode ser escolhido. “Se precisar, eu faço as duas opções: primeiro e segundo volante. Nos últimos jogos, ele (Tencati) está me utilizando mais na construção, conduzindo a bola, pegando do zagueiro e distribuindo, mas, se precisar fazer ultrapassagens, passar da linha da bola, também aprendi bastante durante a minha carreira e, com certeza, vou fazer. Onde ele precisar, estarei à disposição e com vontade de querer ajudar”, pontua Barreto.

Uma hipótese mais remota é a manutenção de Marquinhos Gabriel e a entrada de Barreto ou Leo Costa no lugar de Fabinho. Assim, o Tricolor ficaria apenas com Éder no ataque, mas com Marquinhos Gabriel mais solto para jogar.

A formação escolhida por Tencati não influenciará tanto no jogo de Arilson. “Para mim, não muda muito. O Tencati sabe o planejamento que tem e nós temos que respeitar. Ele é o comandante. Então, é continuar e trabalhar com a equipe e formação que tiver para chegarmos lá e fazermos um grande jogo”, comenta.

O zagueiro Rayan não acompanhou a delegação. Ele está  com desconforto muscular e não foi relacionado. Felipe Vizeu, com lesão no músculo posterior da coxa esquerda, também está fora da viagem.

Campeonato Brasileiro – Série B – 29ª Rodada

Sexta-feira (22/09) – 21h30 – estádio Antônio Accioly, em Goiânia (GO)

ATLÉTICO-GO

Ronaldo; Bruno Tubarão, Alix Vinícius, Heron e Lucas Esteves; Baralhas, Matheus Sales e Dodô; Shaylon, Gustavo Coutinho e Luiz Fernando. Técnico: Jair Ventura

CRICIÚMA

Gustavo; Claudinho, Rodrigo, Walisson Maia e Marcelo Hermes; Arilson, Rômulo, Marquinhos Gabriel (Barreto) e Fellipe Mateus; Hygor e Éder. Técnico: Cláudio Tencati

Arbitragem: Édina Alves Batista (SP); Auxiliares: Alex Ang Ribeiro (SP) e Maíra Mastella Moreira (RS). VAR: Igor Júnio Benevenuto de Oliveira (MG); AVAR: Ivan Carlos Bohn (PR) e Péricles Bassols Pegado Cortez (RJ)

Source link

Leave A Reply

Your email address will not be published.