Trafegabilidade com restrições até dezembro na Serra do Rio do Rastro | TN Sul

0

Lauro Müller
Alexandra Cavaler
cidades@tnsul.com

As intensas chuvas dos últimos dias causaram estragos em diversas vias do Estado, uma delas a rodovia SC-390, a Serra do Rio do Rastro, entre Lauro Müller e Bom Jardim da Serra. Por isso a via segue, desde o dia 14 de outubro, em meia pista, num trecho de 150 metros, por causa de um desmoronamento ocorrido na altura do KM 406, trecho no qual a Secretaria de Estado da Infraestrutura e Mobilidade (SIE) realiza a recuperação.

Conforme o coordenador regional Sul da SIE, Ademir Honorato, os trabalhos devem ser finalizados somente no mês de dezembro levando a trafegabilidade a algumas restrições como, por exemplo, no horário específico (das 6h às 20h) para a circulação de veículos pequenos e caminhões com peso bruto de até sete toneladas por tração, todos os dias da semana, inclusive aos sábados e domingos. Já os caminhões com sete até 23 toneladas estão liberados para o tráfego entre 20h e 6h.

“Essas restrições se fazem necessárias, uma vez que ainda nesta semana devemos estar com máquinas grandes trabalhando no local, e que devido ao tamanho, podem acabar trancando a via, principalmente no KM 406, onde houve o desabamento. Neste ponto já foi feita a solidificação como preparo para que sejam colocados os taludes. Pedimos a compreensão de todos e avisamos que pretendemos terminar antes do final do mês de dezembro essa obra de reparo para que trânsito volte a fluir normalmente”, explicou Honorato.

Transformação

O coordenador regional também revela que a Serra do Rio do Rastro está passando por uma transformação. “Serra vai ficar totalmente revitalizada. Quem passa no local já pode perceber que os 16 quilômetros de asfalto já são novos, também serão colocadas as tachas refletivas nas bordas e no centro da via, novas placas de sinalização serão fixadas ao longo da rodovia, as descidas de água que estavam todas obstruídas também estão sendo trabalhadas, e aproveito para também pedir que a população nos ajude neste sentido, pois encontramos nestes espaços latas de refrigerante com validade de 1992”, contou, pedindo para as pessoas tenham cautela ao circularem na Serra do Rio do Rastro, “que tomem cuidados e dirijam devagar devido às obras”.

Leia a página completa na edição desta quinta-feira, dia 26, do jornal impresso Tribuna de Notícias. Ligue para 48 3478-2900 e garanta sua assinatura.

Source link

Leave A Reply

Your email address will not be published.